Modelo de ficha de EPI: saiba como preencher corretamente

Conheça nosso modelo de ficha de EPI e saiba como preencher o documento corretamente, de modo a cumprir as normas trabalhistas!

Você está em busca de um modelo de ficha de EPI para gerenciar o uso desses equipamentos na empresa? 

Esse documento é de suma importância para o gestor, porque ela documenta o fluxo dos Equipamentos de Proteção Individual.

Isso é um grande desafio quando é preciso gerenciar equipes externas de assistência técnica e manutenção, certo?

Por isso, apresentamos aqui brevemente o que é uma ficha de EPI, como montar uma e o que deve constar no documento.

Vamos lá?

Ficha de EPI: o que é?

A ficha de EPI é um documento de registro da entrega desses equipamentos aos trabalhadores para que exerçam suas atividades profissionais com segurança.

Por que usar uma ficha de EPI?

O uso da ficha de entrega de EPI para o trabalhador é uma medida de saúde e segurança no trabalho. Ao mesmo tempo, ela atesta que o profissional recebeu o equipamento adequado para desenvolver seu trabalho de modo seguro.

Além disso, o documento serve como meio de prova em eventual defesa do empregador em ações judiciais, acidentes de trabalho e outras situações.

Agora que você entendeu a finalidade deste documento, como fazer uma ficha de entrega de EPIs? Existe um modelo de ficha de EPI?

Demonstração grátis do Auvo

Como montar a sua ficha de EPI: passo a passo

Para montar o documento, você pode utilizar um modelo disponível na internet. Em geral, ele apontará as principais questões que devem constar na ficha.

No entanto, nada impede de você ter uma ficha de entrega de EPI personalizada. Fica a seu critério. Existe, inclusive, ficha de EPI online ou integrada a softwares para uma gestão inteligente.

Caso você opte por um modelo de ficha de EPI ou por elaborar sua própria ficha, veja um breve passo a passo:

  1. Conheça quais os EPIs obrigatórios para cada atividade;
  2. Coloque o nome da empresa (texto ou imagem);
  3. Escreva os dados do funcionário; 
  4. Descreva o EPI entregue ao profissional, com a respectiva data;
  5. Escreva ao final um breve termo de responsabilidade ou declaração.

Mais adiante, apontaremos exatamente tudo que deve conter em uma ficha de EPI para você não errar na hora de elaborar seu documento. 

Lembre-se de que existem equipamentos que serão repostos com o passar do tempo. 

Por isso, ter um modelo de ficha de EPI em formato de tabela com datas pode economizar bastante papel. Ou você pode, simplesmente, utilizar a ficha de EPI online ou integrada a softwares.

Modelo de ficha de EPI: confira

Modelo de ficha de EPI

Um modelo de ficha de EPI deve ser preenchido corretamente para que a empresa comprove a entrega do equipamento.

E quais são os campos indispensáveis em um modelo completo?

No cabeçalho do documento, o gestor deve apontar nome, número de registro, função, turno, data de admissão e demissão do trabalhador.

Na parte que pode ser disposta enquanto tabela, considerando da esquerda para a direita, é importante colocar:

  • Certificado de Aprovação do EPI;
  • Quantidade de equipamento retirada;
  • Descrição do equipamento entregue;
  • Data de retirada, com o respectivo visto do profissional;
  • Data de devolução, com a respectiva quantidade e visto do profissional.

Ao final do documento, além da assinatura, coloca-se a declaração do profissional com as seguintes informações:

  • “Recebi de (nome do responsável) os EPIs acima relacionados, nas datas registradas, com o comprometimento de utilizá-los em minhas tarefas profissionais”.
  • “Afirmo meu compromisso em zelar pela guarda, conservação, uso e funcionamento do equipamento, bem como pela sua devolução quando solicitado ou em caso de rescisão de contrato de trabalho”.
  • “Reconheço que o descumprimento dos termos estabelecidos importa em ato faltoso, passível de aplicação de penalidades que podem variar de advertência por escrito à rescisão do contrato de trabalho, conforme legislação”.
  • “Em caso de perda, extravio, dano ou avarias dos equipamentos, autorizo a dedução do valor correspondente do meu salário”;
  • “Declaro que os equipamentos foram entregues em perfeitas condições e que os utilizarei conforme treinamentos realizados pela empresa e as normas de segurança”.
BANNER-BLOG-MODELO-DE-FICHA-DE-EPI

Viu como fazer ficha de controle de EPI? Para entender melhor sobre esses campos, vamos ver o conteúdo desse documento com mais detalhes.

O que deve conter na ficha de EPI

Nós acabamos de apresentar um modelo de ficha de EPI, mas você pode elaborar seu documento da forma como desejar.

Para tanto, é interessante conhecer a importância de cada campo do modelo. Confira a seguir.

CA (Certificado de Aprovação)

O Certificado de Aprovação do EPI é um documento expedido pelo órgão nacional competente em matéria de saúde e segurança no trabalho que comprova que o EPI está pronto para uso.

No modelo de ficha de EPI, é preciso indicar o número do CA.

Descrição do EPI

ficha de epi

Outro ponto fundamental do modelo é a descrição do equipamento.

Isso significa apontar nome, número do CA de cada EPI, descrição do equipamento e quantidade fornecida. 

Se houver outro detalhe, como perda do equipamento anteriormente fornecido, é preciso registrá-lo.

Fabricante

Os equipamentos de proteção individual devem apresentar, de forma visível, o nome comercial da empresa fabricante e o lote de fabricação.

Data da retirada

Em um modelo de ficha de EPI, é preciso colocar a data da retirada ao lado de cada EPI descrito.

Data da devolução

Assim como a data de retirada, a data de devolução é uma informação essencial na ficha de entrega de EPI.

Assinatura do funcionário

A assinatura do funcionário é a prova de que ele leu e assentiu com tudo que está escrito no modelo de ficha de EPI.

Termo de compromisso do funcionário

Conforme apontamos acima, o termo de compromisso do funcionário é uma espécie de recibo do equipamento. Por meio dele, o trabalhador declara ter conhecimento de suas responsabilidades.

Agora sim! Entendeu como fazer uma ficha de entrega de EPIs? Esses pontos foram pautados em uma norma, sabia?

E qual NR fala sobre EPIs?

Demonstração grátis do Auvo

Qual NR fala sobre EPIs?

A NR 6 é a norma especial regulamentadora da execução do trabalho com uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI).

Ela não está condicionada a nenhum setor ou atividade econômica específica, motivo pelo qual é amplamente aplicada por todas as empresas.

Para ajudá-lo a cumprir a norma regulamentadora, é preciso ter maior controle sobre a entrega de EPIs, certo?

Mesmo com um bom modelo, sabemos que há uma dificuldade em gerenciar o uso dos equipamentos pelos profissionais. Uma boa saída é contar com um sistema de gestão de equipes externas!

Esse tipo de software pode trazer ferramentas de gestão de uso dos EPIs pelos funcionários, como o checklist, facilitando o trabalho dos responsáveis.

Você sabia que o Auvo é a plataforma líder de gestão de equipes externas para empresas de assistência técnica e manutenção?

Peça já uma demonstração gratuita para conhecer melhor nossa solução!

Conclusão

O modelo de ficha de EPI é um guia para o gestor elaborar um documento completo capaz de cumprir as normas de segurança no trabalho.

Existem campos essenciais em uma ficha de entrega de EPI, apontados pela NR 6, que o gestor deve observar, como o Certificado de Aprovação. 

Para que não ocorram erros no preenchimento, é preciso observar todas essas questões. 

Felizmente, a tecnologia aplicada à gestão de equipes externas é uma excelente maneira de otimizar o gerenciamento dos EPIs.

Isso porque ela atua em outras frentes relacionadas a esse uso, como na ordem de serviço. 

Aproveite para saber tudo sobre Ordem de Serviço!

Faça uma demonstração grátis
Gabriel Rodrigues

CEO da Auvo Tecnologia. Já ajudou mais de 2 mil empresas de serviços e assistência técnica com o Auvo.

Imagem valmir_Prancheta 1-1

Pronto para levar a sua empresa para o próximo nível?

Se você ainda tem dúvidas sobre o nosso sistema, agende uma demonstração com o nosso time de vendas. 

Agende uma demonstração